.

.

sexta-feira, 30 de abril de 2010

Cartilha sobre Igualdade entre Gêneros

O ministro do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi participa, nesta sexta-feira (30), em São Paulo, do lançamento da cartilha 'Gêneros Diferentes, Direitos Iguais'.
A publicação, do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), traz uma série de textos sobre o trabalho doméstico, convenções já realizadas e Lei Maria da Penha.
A Cartilha foi elaborada para abastecer as Superintendências Regionais do Trabalho e Emprego (SRTEs) em todo País.
A publicação será distribuída nas Superintendências Regionais do Trabalho e, posteriormente, em eventos realizados voltados ao debate sobre gênero.
A partir do lançamento, a cartilha também estará disponível no site do MTE.
Ag. Diap

quinta-feira, 29 de abril de 2010

Dengue

Jundiaí registra 95 casos de dengue e as autoridades e população estão preocupadas, pois, a cidade é próxima da região de Campinas e Litoral Sul que já enfrentam uma epidemia. As ações preventivas foram intensificadas.

As pessoas precisam prestar atenção nas condiçoes de suas residências, para prevenir a doença. Entre as principais medidas estão a manutenção de caixas de água, tonéis e barris ou outros recipientes que armazenam água totalmente tampados e limpos e a remoção de tudo que possa impedir a água da chuva de correr pelas calhas. Objetos que possam acumular água devem ser descartados e as lixeiras bem fechadas.

Faça sua parte.

quarta-feira, 28 de abril de 2010

Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho

Em todo o mundo, a data de hoje, 28 de abril, lembra o outro lado do trabalho: o que acidenta, incapacita e mata. No Brasil, os números apontam para uma guerra invisível em que morrem todos os anos, três mil trabalhadores - uma morte a cada duas horas de trabalho - e outros 300 mil se acidentam - três acidentes a cada minuto trabalhado. Está é uma oportunidade para discutir e encontrar soluções.

MP dos Aposentados deve ser votada hoje

Sem acordo, votação da MP dos aposentados (475/09) ficou para hoje. Governo aceita flexibilizar proposta original de 6,14% para 7%. O movimento sindical insiste em 7,71%. Se houver acordo, a pauta da Câmara será destravada, pois esta matéria é a mais polêmica de todas as demais MPs ora na agenda.

terça-feira, 27 de abril de 2010

Número de empregos com carteira assinada cresce

Décimo terceiro salário, férias remuneradas, fundo de garantia e aposentadoria não são mais privilégios de uma minoria de brasileiros. Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelam que, pela primeira vez em 16 anos, metade dos trabalhadores das metrópoles do País tem a carteira assinada pelas empresas do setor privado.A informalidade nas metrópoles está em um de seus níveis mais baixos: 36,7% dos ocupados (18,1% trabalham sem carteira assinada e 18,6% por conta própria). A tendência de avanço da fatia de trabalhadores com carteira é consistente. Em março de 2004, respondia por 43,9% dos ocupados, saltou para 45,7% em março de 2006, 48,3% em março de 2008.
Ag.Diap

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Ato Unificado contra os Acidentes do Trabalho

As seis centrais sindicais brasileiras - Força Sindical, CTB, UGT, CUT, Nova Central e CGTB - realizam em Brasília, nesta quarta-feira, 28/4 - Dia Internacional em Memória às Vítimas de Acidentes de Trabalho, um ato público com o objetivo de denunciar a irresponsabilidade do setor patronal na prevenção de acidentes e doenças do trabalho.
Agência Diap
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...