.

.

quinta-feira, 9 de março de 2017

Debates continuam no Encontro Nacional da Mulher da CSB


Fonte/Fotos: CSB
Creuza de Oliveira fala sobre a luta das empregadas domésticas
Na abertura do segundo dia de palestras e debates do Encontro Nacional da Mulher Trabalhadora da CSB, em Brasília, nesta quinta-feira (9), Creuza Maria de Oliveira, secretária-geral da Fenatrad (Federação Nacional das Trabalhadoras Domésticas), falou sobre a luta das mulheres em busca de mais direitos e também abordou a importância da organização sindical do público feminino.

“A inserção da mulher na política ainda tem muitos desafios pela frente”, afirma Sarah Campos
A participação da mulher no cenário político nacional foi o destaque da palestra da advogada Sarah Campos durante o Encontro Nacional da Mulher Trabalhadora da CSB. Segundo a consultora jurídica, a presença das mulheres no parlamento brasileiro ainda é muito pequena.

“Mesmo tendo alcançado 30% de candidatas, as mulheres continuam representando apenas aproximadamente 10% dos eleitos no Poder Legislativo”, explicou. Segundo Sarah, em 2014, constatou-se 9,9% de mulheres na Câmara dos Deputados e 16% no Senado.

A luta contra a violência de gênero, doméstica e familiar foi o tema da palestra de Ana Cristina Santiago, delegada-chefe da Delegacia da Mulher do Distrito Federal. Ela lembrou que a própria Constituição Federal estabelece que os cidadãos dos diferentes gêneros têm direitos iguais. “Avançamos em muitos aspectos, mas ainda há muito para alcançar. Quando a Constituição fala que homens e mulheres são iguais perante à lei, ainda é uma igualdade formal, que não existe na prática”, salientou.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...