Um feliz Natal para você!

Um feliz Natal para você!

sexta-feira, 28 de agosto de 2015

Mais uma vez os cidadãos são chamado para pagar as contas de um governo gastão

Proposta de resgate da CPMF encaminhada pela equipe econômica ao Palácio do Planalto prevê uma alíquota de 0,38% do chamado “imposto do cheque”. A presidente Dilma Rousseff está analisando a conveniência de se propor a medida de elevação de tributo após o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), afirmar nesta quinta (27) que a proposta de elevação de tributos será “um tiro no pé”.

Organizações ligadas ao comércio e à indústria também criticaram a possibilidade, chamando-a de “loucura”, “retrocesso” e “absurdo”. 

A medida é considerada crucial para reequilibrar as contas públicas em um cenário de fraca arrecadação decorrente da desaceleração da economia. Para tornar o imposto mais palatável e aumentar suas chances de aprovação no Congresso, a ideia do governo é propor que a CPMF passe a ser partilhada com estados e municípios e não fique mais exclusivamente nas mãos da União.

Conta de luz pode ficar até 8% mais cara

Uma liminar obtida no mês passado pelo grupo das indústrias pesadas que mais consomem eletricidade no País pode resultar em um novo aumento de até 8% nas contas de luz dos moradores de algumas regiões do País, demonstrou nesta terça-feira a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). O órgão abriu consulta pública sobre a nova divisão de cobrança da Conta de Desenvolvimento Energético (CDE) determinada pela Justiça no mês passado.
A liminar obtida pela Associação Brasileira de Grandes Consumidores Industriais de Energia e de Consumidores Livres (Abrace) libera os associados da entidade de pagamentos de parte dos programas bancados pelo fundo setorial. Por isso, a Aneel precisará fazer um novo rateio do custo da CDE entre os demais consumidores do País.

A metodologia – que ficará sob consulta pública por 20 dias – mostra que a medida afetará, principalmente, os usuários ligados na baixa tensão, como as residências. Segundo a Aneel, esse impacto nas contas de luz seria de R$ 1,8 bilhão por ano, sendo já de R$ 800 milhões até o fim de 2015.

O repasse teria de ser feito nos próximos reajustes tarifários de cada distribuidora, mas o diretor da Aneel, relator do processo, André Pepitone, admite que algumas empresas de distribuição podem pedir uma revisão extraordinária nas tarifas ainda este ano. Isso porque o efeito para algumas empresas – que atendem às regiões onde estão localizadas as associadas da Abrace – será maior. No caso da CPFL Bandeirante, por exemplo, a estimativa é de uma redução de 4,7% nas receitas da empresa, a mais afetada pela liminar.

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Passeio monitorado apresenta grafites de Jundiaí



Fonte: Prefeitura de Jundiaí
Neste domingo (30), a arte urbana dos grafites da cidade vai ser a atração com um passeio monitorado até a Galeria de Arte Pública G9. Conduzida pelo curador desse espaço, André Fernandes de Oliveira, o Estranho, o passeio é gratuito e vai sair do Sesc Jundiaí às 11 horas. No retorno, vai contar com uma atividade de “live painting” para os participantes. 

As informações que serão dadas durante o percurso da visita visam permitir a compreensão do fenômeno do grafitti, termo de origem italiana que possui uma longa história de apropriação por movimentos urbanos até ser reconhecido como arte. As inscrições serão feitas até o dia do evento na central de atendimento do próprio Sesc.


Criada pela Prefeitura de Jundiaí em setembro de 2014, o inédito conjunto de 20 painéis criados por diversos artistas desse ramo fica na avenida Nove de Julho e está ligado ao Museu Histórico e Cultural, da Secretaria de Cultura.

O passeio, chamado oficialmente de “Visitação à Galeria G9 e Live Painting no Sesc Jundiaí”, inclui acompanhamento de guia credenciado pelo Ministério do Turismo, transporte e seguro de acidentes pessoais. De acordo com a Secretaria de Agricultura, Abastecimento e Turismo é um tipo de atividade no campo chamado de turismo social.
Saiba mais: AQUI

PEC da Mulher é aprovada em primeiro turno no plenário do Senado

Fonte/Foto: Ag. Senado
A PEC nº 98/2015 recebeu 65 votos favoráveis e sete contrários em histórica votação na noite desta terça-feira, 25/8, como parte da Reforma Política em discussão no Congresso.

“Vamos mudar o mapa da sub-representação política da mulher no Brasil”, afirmou a procuradora Especial da Mulher do Senado, Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM). Ela disse ainda que a luta pela igualdade na representação política entre os gêneros ganhou força nesse primeiro turno de votação graças ao empenho da bancada feminina do Congresso, que atuou unida desde março na campanha Mais Mulheres na Política, a reforma que o Brasil precisa e ganhou apoios de lideranças em todo o Brasil.

Senadores e senadoras de diversas legendas favoráveis à proposta ocuparam a tribuna para defender a PEC que reserva vagas para gênero de forma progressiva nas câmaras municipais e assembleias legislativas, na Câmara Legislativa do DF e na Câmara dos Deputados.


quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Publicação britânica aponta Jundiaí como destino de investimentos internacionais

Fonte: Portal Prefeitura Jundiaí
Na contramão da crise econômica, Jundiaí mostra, mais uma vez, seu potencial. A cidade é destaque no ranking da FDI Magazine’s American Cities of the Future 2015-2016 – publicação especializada em investimento internacional do grupo britânico The Financial Times – como uma das cidades do continente americano mais promissoras para receber investimentos estrangeiros. Atualmente estão presentes no município 126 empresas de capital internacional, provenientes de 21 países.

Saiba mais...

CCT Locadoras de Máquinas e Equipamentos Pesados


Já está disponível no Sindicato a íntegra da CCT 2015.
Veja a circular...

Dúvida sobre o PIS?

Fonte: Tribunal Superior do Trabalho - TST

terça-feira, 25 de agosto de 2015

Governo decide pagar adiantamento do 13º de aposentados de uma só vez

Fonte: Estadão
Para evitar um maior desgaste com a adoção de uma medida impopular, o Palácio do Planalto decidiu pagar em setembro a antecipação da primeira metade do 13º dos aposentados. Por conta das dificuldades financeiras nas contas públicas, o Ministério da Fazenda havia defendido o pagamento do adiantamento em duas parcelas, a primeira no mês que vem e a segunda, em outubro.

Em nota, a Secretaria de Comunicação da Presidência da República afirmou que a presidente Dilma Rousseff decidiu nesta segunda-feira, 24, pagar a primeira parcela a partir do dia 24 de setembro. Os outros 50% serão pagos em novembro.

Em meio à deterioração dos indicadores econômicos, com queda na arrecadação, o governo federal não antecipou o pagamento em agosto, como vinha sendo feito desde 2006. Ao optar por fazer o pagamento da primeira metade de uma vez só, Dilma seguiu a orientação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que recomendou que não se abrisse uma nova crise em tempos de baixa popularidade do governo.

Direito ao intervalo!

Fonte: Conselho Nacional de Justiça - CNJ

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Faculdade com desconto!

Acabamos de fechar parceira com:

FACULDADE ANHANGUERA
Rua do Retiro, 3000 – Vila das Hortências - Jundiaí  
Fone: (11) 3109-0670

Descontos para associados e dependentes de 15% ao mês

Governo pretende aumentar impostos em 2016

Fonte: Valor Econômico
A proposta orçamentária para 2016, que o governo vai encaminhar ao Congresso até o dia 31 deste mês, prevê um forte aumento de impostos, propostas de redução de algumas despesas obrigatórias e a manutenção do gasto discricionário no mesmo nível do realizado em 2015. O governo decidiu trabalhar com uma previsão de crescimento "modesto" da economia no próximo ano, embora o mercado já projete recessão, e de uma inflação convergindo para o centro da meta, de acordo com fontes credenciadas da área econômica.

O Ministério da Fazenda preferia que, em um primeiro momento, fosse dada maior ênfase ao controle das despesas e, se necessário para fechar o Orçamento e obter a meta fiscal, apelar para o aumento de receitas. Os técnicos alertam para a "intolerância do Congresso contra aumentos de impostos". Mas a presidente Dilma Rousseff optou por uma linha mais branda de corte de despesas e mais ênfase em elevação dos tributos.

Junto com a proposta orçamentária, o governo também vai submeter aos parlamentares o Plano Plurianual (PPA), no qual definirá as prioridades para os próximos quatro anos.

Ministério da Fazenda confirma antecipação do 13º dos aposentados

Os aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) receberão em setembro a primeira parcela da antecipação do 13º salário. De acordo com o Ministério da Fazenda, antecipação será dividida em duas vezes, sendo 25% no mês que vem e o mesmo percentual em outubro. Os 50% restantes serão pagos normalmente em dezembro.

Falando de Férias...

Fonte: Cartilha Direito do Trabalho ao alcance de todos
O período de férias é computado como tempo de serviço?
Sim. O tempo em que o empregado goza as férias é computado para todos os efeitos do contrato, como se estivesse trabalhando.

Como são concedidas as férias?
Em um só período, a não ser em casos excepcionais, quando este período poderá ser dividido em dois, um dos quais não poderá ser inferior a dez dias. Deve-se ressaltar que, aos menores de 18 anos e maiores de 50 anos de idade, as férias devem sempre ser concedidas de uma só vez.

Quem escolhe a época de férias?
É o empregador que escolhe, conforme os interesses da empresa.

E se o empregado trabalhar junto com familiares?
Os membros da família têm o direito a gozar férias  no mesmo período, desde que não haja prejuízo para os serviços.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...