.

.

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Trabalhadores reivindicam Trabalho Decente


7 de Outubro
Dia Mundial pelo Trabalho Decente

“Eu quero agora, eu quero já, eu quero ver o meu salário aumentar” era a palavra de ordem dos manifestantes convocados pelos Centrais CGTB, Força Sindical, CUT, CTB, Nova Central e UGT, que tomaram as ruas do Centro de São Paulo em ato que marcou o Dia Mundial pelo Trabalho Decente, na manhã de 7/10.



A manifestação fez parte da 3ª Jornada Mundial pelo Trabalho Decente, data definida pela OIT (Organização Internacional do Trabalho) para que os trabalhadores e trabalhadoras de todos os países promovam atos em defesa de temas como emprego com carteira assinada, combate ao trabalho escravo e infantil, respeito à organização sindical e igualdade entre homens e mulheres.

É hora de todos se unirem para ampliar direitos, reduzir a jornada de trabalho sem redução de salário, combater a precarização e o trabalho infantil, garantir  igualdade de oportunidades e a valorização dos serviços públicos
Foto:CGTB

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Mais de 33 milhões de votos escoaram pelo ralo!

O número de eleitores que não foram votar chegou a 24,6 milhões. Essa multidão forma 18% do eleitorado inscrito e supera em 5 milhões o eleitorado que votou em Marina. A soma desses 24,6 milhões de eleitores que não votaram com aqueles que votaram em branco ou anularam o voto chegou a 33,6 milhões. É superior ao total de votos obtidos por Serra (33,1 milhões).  Como será no próximo dia 31?

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

De cada 10 vagas, nove são com carteira assinada

Segundo dados do Dieese/Seade, de cada 10 vagas de trabalho criadas no País, nove são com Carteira assinada. O aumento da formalização é resultado do crescimento da economia, que abre espaço para mais faturamento, aumento da renda de autônomos e microempresários e elevação do lucro das empresas. As outras, são a fiscalização do Ministério do Trabalho, a lei do Super Simples e o crédito em alta.

Bancada Feminina no Poder

A bancada feminina que saiu das urnas em 3 de outubro, em termos numéricos, praticamente manteve a representação atual tanto na Câmara quanto no Senado. Nesta legislatura, há 45 mulheres em exercício na Câmara e 10 no Senado.

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Eleições 2010

Dos 407 deputados que tentaram a reeleição, 284 lograram êxito ao renovar seus mandatos. A renovação de 44,6% (229 novos) ficou abaixo da média histórica das cinco últimas eleições. As mulheres ocuparão na Câmara dos Deputados 43 cadeiras. Dessas, 21 são novas; 22 foram reeleitas; isto representa redução de duas cadeiras em relação à bancada atual. Foram eleitos 35 novos senadores (64,81%); 19 foram reeleitos e 27 têm mandato até 2015.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...